Adspace 728x90

Formas de Alisamento Capilar

Mesmo nascendo em um país plural, onde as raças se misturam, muitas mulheres brasileiras não estão satisfeitas com o seu próprio cabelo e recorrem a métodos de alisamento para modificá-los.
Esses procedimentos podem utilizar produtos químicos ou não e, os modos de usá-los são diferentes.

Chapinha/Escova – Mais recomendado para quem quer ter o cabelo liso só temporariamente porque é desfeita na primeira lavagem, a escova é utilizada no cabelo molhado, secando-os com o auxílio de um secador e, para finalizar, o cabelo é separado em mechas finas para a aplicação da prancha.

Obs.: É importante regular a temperatura da prancha de acordo com o seu tipo de cabelo, para não queimar nem danificar os fios. O uso de protetor térmico também é importante, pois ele protege o cabelo do excesso de calor.

Leia também:


 Alisamento – Geralmente tendo em sua composição o hidróxido de sódio ou o tioglicolato de amônia, o alisamento é um dos métodos mais pedidos em salões de beleza. Com os cabelos separados em mechas e com ajuda de um pincel o produto que já vem pronto ou tem que ser misturado, é aplicado no cabelo à primeira vez da raiz até as pontas, a partir da segunda vez somente na raiz, pois pode ressecar os fios que já tiveram sua estrutura modificada pelo alisamento anterior. O tempo de permanência do produto varia de acordo com sua marca, depois o cabelo é lavado e na maioria das vezes, finalizado com outra substância como o neutralizante, por exemplo. O retoque também é realizado de acordo com cada tipo de alisamento, podendo ser desde 45 dias até dois meses.


Obs.: É necessário aplicar o produto corretamente para não prejudicar a saúde dos fios. Não é recomendado fazer outros procedimentos químicos no cabelo, como coloração, por exemplo, mas se for atender a esse capricho, use sempre produtos com fórmulas compatíveis, Trocar de amônia para hidróxido também não é permitido, pois provoca o “choque térmico” que resseca os fios causando as pontas duplas e o frizz e em piores casos a queda do cabelo. Essa troca só é permitida com no mínimo seis meses sem utilizar nenhum produto químico.

Recomendamos que leia o artigo Alimentos que deixam as unhas mais saudáveis 

Relaxamento – Na maioria das vezes o relaxamento possui em sua composição os mesmos produtos químicos do alisamento, o que mudo é o seu tempo de ação, que é mais curto para deixar o cabelo mais macio e maleável ao invés de totalmente liso. Geralmente o prazo para retoque é também mais longo.
Alisamento Definitivo – Também possuindo outros nomes como progressiva, escova japonesa, etc. A escova definitiva tem como principal ativo o tioglicolato e promete tornar o fio liso de uma maneira permanente, isso só é possível porque o cabelo passa por um procedimento químico que modifica a estrutura do fio deixando-o liso. Sua aplicação consiste em primeiramente lavar os cabelos com um shampoo anti-resíduos, depois os secar completamente e aplicar o produto sem muito excesso, deixando agir entre 10 a 20 minutos (dependendo da recomendação de cada marca) após isso escove o cabelo e pranche em mechas finas de 10 a 15 vezes, espere o cabelo esfriar e lave-o. 

Algumas marcas contêm em seu kit um creme hidratante/gloss para aplicar deixando agir nos cabelos de 10 a 15 minutos, depois enxágüe o cabelo novamente e o escove e pranche podendo utilizar um reparador de pontas para finalizar.

Obs.: Os cabelos com esse tipo de alisamento precisam de cuidados especais como hidratação e cauterização, para manter o fio saudável e ajudar a diminuir os danos causados pela química. Também é necessária a precaução de analisar se no produto contém formol, que é totalmente nocivo para o homem. Ela só deve ser aplicada por um profissional qualificado, para não causar resultados negativos como a quebra e queda dos fios. É um procedimento demorado que dura de quatro a seis horas.

Alisamento com henê – O henê é um método antigo bastante utilizado que alisa e colore ao mesmo tempo. Sua ação não é imediata podendo não se obter um bom resultado nas primeiras aplicações, só é encontrado em cores escuras prevalecendo o preto e não é compatível com outras químicas, por outro lado, seu princípio ativo que é o ácido pirogálico, não agride muito o fio do cabelo, deixando-os mais saudáveis e bonitos.

Independente da escolha do tipo de alisamento, a hidratação e os cuidados com o fio são indispensáveis para manter os cabelos com uma boa aparência.

Leia também: Cabelos saudáveis? como mantê-los

Patrocinado:



Crisópolis em Foco: Informação e cidadania. #Compartilhe!


  • Comentar via Blogger
  • Comentar via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Formas de Alisamento Capilar Rating: 5 Reviewed By: Cadu Farias