Adspace 728x90

Polícia Militar recupera em Feira 20 fuzis roubados do Exército em Serrinha

Mais cedo, por volta das 15h desta terça-feira quatro armas foram encontradas por populares em um matagal próximo ao Cemitério São João Batista



Inicialmente, por volta das 15h, quatro armas foram encontradas por populares em um matagal próximo ao Cemitério São João Batista, no bairro Mangabeira. A guarnição da Peto 66 foi ao local e recuperou o material bélico. Poucas horas depois, policiais militares do Pelotão Tático Móvel 08, localizaram 15 armas na Avenida Eduardo Fróes da Mota (Avenida de Contorno), em frente ao supermercado G. Barbosa. Logo em seguida a arma que faltava foi encontrada pelo Serviço de Investigação da Polícia Civil após informação de uma pessoa que foi presa, sob acusação de envolvimento no roubo. Uma segunda pessoa envolvida está detida.

Major PM Marco Aurélio, delegado da PF Val Goulard e delegado Ricardo Brito 

Arma recuperada pela Polícia Civil 

De acordo com o delegado Ricardo Brito, coordenador regional de polícia (1ª Coorpin), os envolvidos no roubo estavam negociando as armas com quadrilhas de assalto a banco.

“São armas de grosso calibre, são fuzis 762, que são usadas em assaltos a bancos. Mais uma vez a integração entre as forças de segurança, policias Federal, Militar, Rodoviária Federal e Civil, conseguimos êxito recuperando todos os fuzis roubados no Tiro de Guerra, em Serrinha. A polícia agiu com muita rapidez, conseguiu identificar e fazer o cerco até com seus familiares e eles resolveram entregar todo esse material”, informou o coordenador de polícia ao Acorda Cidade.


De acordo com o delegado da Polícia Federal, Val Goulard, as polícias estão realizando diligências em conjunto para tentar capturar os demais envolvidos.

“Esta é uma operação integrada. Desde o roubo, as forças policiais foram a campo e hoje foram recuperados todos os fuzis. Eles estão ligando para as guarnições da Polícia Militar e indicando os locais em razão do trabalho realizado pela força policial que visa coibir essa criminalidade. Algumas pessoas ainda estão sendo identificadas e estamos realizando diligências no sentido de prendê-las o mais rápido possível”, disse.

O delegado da PF disse também que as armas serão restituídas ao Exército, possivelmente ainda hoje.

A localização

Sargento Nilton Lopes

Em entrevista ao Acorda Cidade o Sargento Nilton, do Pelotão Tático Móvel 08, informou que os 15 fuzis localizados pela guarnição estavam em um saco de açúcar, próximo a cerca de um terreno baldio na Avenida de Contorno. “Estávamos em diligências desde quando soubemos do roubo e estando tentando localizar e prender os indivíduos”, disse.

O soldado Brito, da equipe Peto 66, que encontrou os quatro primeiros fuzis, disse que a guarnição estava realizando ronda próximo ao local, quando foi informado pela central que populares encontraram um volume estranho no matagal. “Fomos ao local e encontramos o material bélico. O cerco continua em busca dos demais envolvidos neste crime”, disse o policial. 

Operação

A operação em conjunto foi intensificada na manhã nesta quarta-feira em Feira de Santana. Algumas abordagens foram realizadas no bairro Baraúnas.

Por volta das 2h30 da madrugada de hoje (15), Anderson Machado Nascimento, o "Gago", 20 anos, foi detido em Serrinha como suspeito de envolvimento no roubo e prestou depoimento na Polícia Federal em Feira. Ele apontou o nome de outro envolvido e disse que serviu ao exército, o que facilitou dar o direcionamento de como praticar o roubo. Segundo policiais, ele apontou o nome de um envolvido.

O roubo

Cerca de cinco homens armados e encapuzados pularam o muro do Tiro de Guerra, invadiram a unidade e renderam três guardas com agressão física. Os criminosos subtraíram 20 fuzis calibre 762 (mosquefal), sem munições e de numerações não informadas. Os assaltantes deixaram no local um alicate de corte, que foi utilizado para romper dois cadeados de acesso para a sala de armamentos.

Segundo o Capitão PM Charles, do 16º BPM de Serrinha, os soldados do tiro de guerra informaram que dois elementos estavam armados com dois revólveres calibre 32 e um calibre 38 e encapuzados, apenas um de ‘cara limpa’.

“Pelo que ocorreu não acreditamos na hipótese deles serem assaltantes de bancos, já que 12 das armas que eles levaram estavam sem o ferrolho, ou seja, não servirão para uso. Além disso, eles não levaram munições. As informações são que eles utilizaram um carro preto para a fuga, mas ainda não temos certeza sobre o modelo. Estamos colhendo todas as informações possíveis”, informou ao Acorda Cidade.

Equipes do Exército estão em campo em busca dos criminosos e a operação só será finalizada com a recuperação dos armamentos. Um inquérito policial militar foi instaurado para investigar o caso, que também é acompanhado pela Polícia Civil.





*Acorda Cidade

Crisópolis em Foco: Informação e cidadania. #Compartilhe!


  • Comentar via Blogger
  • Comentar via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Polícia Militar recupera em Feira 20 fuzis roubados do Exército em Serrinha Rating: 5 Reviewed By: Hamilton Bispo