Adspace 728x90

Monstruosidade: Jovem amarra e queima crianças vivas por dívida de R$ 500

Um artesão de 21 anos foi preso, suspeito de amarrar e queimar vivo uma criança de 9 e uma adolescente de 13 anos no Distrito Federal, na noite da segunda-feira (12). De acordo com a TV Globo, Rômulo Sebastião Nascimento de Souza confessou que cometeu o crime, motivado por uma dívida de R$ 500 com o irmão mais velho das vítimas.

Ao ser preso, Rômulo disse que cometeu o crime porque os irmãos gritaram quando ele invadiu a casa da família, em Ceilândia, para levar um notebook, tablet e máquina fotográfica. O crime aconteceu por volta das 17h da tarde de ontem (12). A mãe das vítimas tinha ido ao supermercado, enquanto o pai estava no trabalho. Um vizinho que chamou o Corpo de Bombeiros ao perceber que a casa estava pegando fogo.


Os corpos de Adriele Santos, 13 anos, e João Guilherme, 9 anos, foram encontrados na tarde de ontem. De acordo com o G1 Distrito Federal, o artesão usou cadeiras para impedir que nem o menino nem a adolescente saíssem dos quartos em que foram colocados.


Em seguida, ele ateou fogo na residência. Durante a confissão, Rômulo não demonstrou arrependimento. O rapaz disse que vendeu, alguns dias antes do crime, peças de artesanato para o irmão mais velho das vítimas. Ele teria cobrado o valor do produtos no fim de semana, e o cliente disse para ele aparecer na cada da família nesta segunda-feira (12), para receber o pagamento.




O crime


Rômulo levou o menino para outro quarto e amarrou a criança com um pedaço de lençol rasgado. O artesão também colocou cadeiras contra as portas dos dormitórios para impedir que as vítimas escapassem. Antes de fugir, ele ateou fogo à residência. Ao sair do local, o rapaz ainda encontrou na rua com a mãe das vítimas, e a cumprimentou como se nada tivesse acontecido. Ela precisou ser encaminhada a um hospital de Ceilândia, onde permanece sedada, depois que soube do acontecido.

Rômulo foi preso horas depois do crime, e vai responder por duplo latrocínio - roubo seguido de morte. O artesão pode ser condenado até 60 anos de prisão, e deve ser transferido para o Complexo Penitenciária da Papuda, em Brasília, ainda hoje.

Fonte: G1 Distrito Federal


  • Comentar via Blogger
  • Comentar via Facebook
Item Reviewed: Monstruosidade: Jovem amarra e queima crianças vivas por dívida de R$ 500 Rating: 5 Reviewed By: Hamilton Bispo