Adspace 728x90

Milionário baiano detido em operação cumprirá prisão domiciliar

O dono do Frigorífico Frijoa, Jayme Oliveira do Amor, cumpre prisão domiciliar em sua residência no município de Muquém do São Francisco, no Vale São-Franciscano da Bahia.

O empresário, considerado um dos homens mais ricos da região, foi preso na última terça-feira (10) em operação do Grupo Especial de Mediação e Acompanhamento de Conflitos Agrários e Urbanos (Gemacau), da Polícia Civil da Bahia, batizada de "Compadre D´Água".

Jayme Amor é acusado de formar bando armado, dano qualificado, constrangimento ilegal, ameaças, sequestro e homicídio qualificado.

Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça de Ibotirama, em imóveis no município de Morpará, na fazenda de Jayme e na sede da Frijoa.
De acordo com informações da Secretaria Estadual da Segurança Pública (SSP-BA), a ação foi realizada após investigações solicitadas pela Comissão Nacional de Combate à Violência no Campo.


Jayme, que teve prisão temporária decretada, conseguiu converter em prisão domiciliar. Já dois dos seus funcionários, Carlos Galdino Serafim, o “Carlão”, e Vonílson Barbosa de Sousa, o “Ninho”, estão presos na cadeia pública de Baianópolis. A polícia ainda procura outros membros do grupo.

Segundo investigação policial, o dono da Frijoia é suspeito de ter participado de ações que resultaram no desaparecimento de membro da comunidade quilombola Boa Vista do Pixaim.

A operação contou com policiais de Salvador, Barreiras, Itabuna e Luís Eduardo Magalhães participaram da ação.

*Bocão News


  • Comentar via Blogger
  • Comentar via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Milionário baiano detido em operação cumprirá prisão domiciliar Rating: 5 Reviewed By: Hamilton Bispo